terça-feira, 9 de março de 2010

O Mês de Júlio César

Em 46 a.C. Júlio César, percebendo que as festas romanas em comemoração à estação mais florida do ano, marcadas para Março (que era o primeiro mês do ano), caíam em pleno Inverno, determinou que o astrônomo alexandrino Sosígenes corrigisse o calendário.As modificações realizadas a partir desses estudos modificaram radicalmente o calendário romano: dois meses, Unodecembris e Duocembris foram adicionados ao final do ano de 46 a.C., deslocando assim Januarius e Februarius para o início do ano de 45 a.C.. Os dias dos meses foram fixados numa sequência de 31, 30, 31, 30... de Januarius a December, à exceção de Februarius, que ficou com 29 dias e que, a cada três anos, teria 30 dias.
Em 44 a.C. o líder Júlio César foi homenageado pelo Senado romano, que mudou o nome do mês Quintilis para Julius, um mês de 31 dias.
Em 8 d.C. o calendário juliano foi modificado pelo imperador Augusto, que modificou a regra de inclusão do dia extra, de três em três anos para quatro em quatro anos. As mudanças incorporadas por ele não são muito lembrados na história, sendo que o calendário com as alterações de Augusto são conhecidos com nome de calendário juliano para a maioria dos efeitos.

O Senado Romano decidiu também homenagear seu primeiro imperador através da mudança do nome do mês Sextilis para Augustus.O mês de Februarius passou de 29 para 28 dias, cedendo um dia para o mês em homenagem a Augusto, que passou de 30 para 31 dias, com mudança também nos demais meses, de 31 para 30 e vice e versa até o fim do ano.

Nota;Sou do mês de julius!

Fonte;Wikipédia BRA

Um comentário:

Emmy S. disse...

cultura sempre faz bem, eu particularmente venero um pouco o César, foi um grande marco na história