sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Epica-Quietus


O acusado, você age antes de pensar
Pego em seu pecado ignorante
E mentindo para sua própria consideração
Você achou que poderia se esconder

Privado de minha própria inocência, negada

A infinidade do tormento recorrente
Sua punição merecida

Veja, ouça a tortura interior
Devorando o que restou de meu orgulho
Você pensou que não iria acontecer com você
Pensou que poderia se esconder

Privado de minha própria inocência, negada

A infinidade do tormento recorrente
Sua punição merecida

Habitando uma mente
Misture-se e seu lamento
Se espalha por todo o mar

Privado de minha própria inocência, negada

A infinidade do tormento recorrente
Sua punição merecida

Habitando uma mente
Misture-se e seu lamento
Se espalha por todo o mar

Nota do Blogueiro
Adoro essa banda!sinta parte dela nesse video! 
(Epica é uma banda holandesa de metal sinfônico, fundada por Mark Jansen (ex-guitarrista do After Forever) no final de 2002. Utiliza vocal meio-soprano e gutural, e suas letras retratam o amor, o ódio, a agonia, a revolta, a cultura, as religiões e o sentido da vida)

Fonte;
Letras
Youtub

Um comentário:

Dani disse...

Sucesso com o blog *-*.

Uma boa semana.
Beijão.

http://expectativasreais.blogspot.com.br/